sexta-feira, 24 de maio de 2013

Secopa divulga novas imagens dos vagões do VLT; 1° lote chega em agosto

21/05/2013 - O Documento - Cuiabá/MT -

A Secretaria Extraordinária da Copa do Mundo (Secopa) divulgou as imagens dos novos vagões do VLT (Veículo Leve Sobre Trilhos), novo modal de transporte coletivo para Cuiabá e Várzea Grande, que estão sendo fabricados na cidade de Zaragoza (Espanha).

De acordo com a Secopa, dois vagões já estão em fase de testes na cidade espanhola. Eles devem ser embarcados para a capital matogrossense no final do mês, e tem previsão de chegada em agosto. Uma remessa dos trilhos do modal também será transportadas para Cuiabá junto com os vagões.

Além dos testes que vem sendo realizados, a empresa CAF Brasil Indústria e Comércio dá sequência a fabricação das 40 embarcações previstas para integrarem o pacote do VLT de Cuiabá. A previsão é de que até janeiro todos os vagões estejam em solo matogrossense para iniciar os testes nas cidades de Cuiabá e Várzea Grande a partir de março.

Paralelo a fabricação dos vagões na Espanha, o Consórcio VLT Cuiabá segue com as obras relacionadas ao modal nas duas maiores cidades de Mato Grosso. Estão em andamentos obras de trincheiras, viadutos, pontes e estudo de solo para passagem dos trilhos. Ao todo, serão 12 obras de arte no trajeto do VLT.

A previsão é de que em março os trilhos já estejam rodando em Cuiabá e Várzea Grande para testes. Em junho, época da Copa do Mundo, o modal estará funcionando a todo vapor.

TRAJETO
Com dois eixos, CPA-Aeroporto e Coxipó-Centro, o modal será implantado no canteiro central das avenidas Historiador Rubens de Mendonça, FEB, 15 de Novembro, Tenente Coronel Duarte (Prainha), Coronel Escolástico e Fernando Correa da Costa. Serão três terminais de integração e 33 estações, que terão uma distância média de 500 a 600 metros entre um ponto e outro.

Na execução das obras, o consórcio será responsável pela edificação de obras de arte especial. Ao longo dos 22,2 km de trajeto do VLT, serão edificados cinco viadutos, quatro trincheiras e três pontes.

Características do VLT
- Velocidade de operação: 60 km/h
- Operação contínua de até 20 horas por dia;
- Umidade relativa do ar variando entre 10 a 95%.
- Veículos bidirecionais com cabine de condução em ambas as extremidades;
- Carga máxima de 400 pass/veiculo, à taxa de 6 pass/m² (veículo de aprox. 44 m);
- Largura 2,40;
-Contrato de fornecimento de 40 VLTs com 7 módulos;
-Altura aproximada de 3,60 m.

Nenhum comentário:

Postar um comentário