quinta-feira, 29 de agosto de 2013

Materiais para instalar trilhos do VLT chegam ao MT

28/08/2013 - G1 MT

Materiais importados da Bélgica, que compõem o sistema de instalação dos trilhos da via permanente do Veículo Leve sobre Trilhos (VLT), começaram a chegar a Mato Grosso. Os pórticos de posicionamento dos trilhos, borrachas de envelopamento e películas de isolamento energético são os primeiros equipamentos levados pelo consórcio responsável pela obra até a capital mato-grossense.

Cerca de 25% do total desses equipamentos já desembarcaram no Brasil pelo porto de Paranaguá (PR). A estimativa da Secretaria Extraordinária da Copa (Secopa) é que serão necessárias 125 viagens de caminhão entre o porto e a área de descarregamento e armazenagem em Várzea Grande, região metropolitana de Cuiabá.

A construção da via permanente é responsabilidade do Consórcio Construtor, formado pela CR Almeida e Santa Bárbara, além de mais três empresas, as projetistas Astep e Magna e a CAF Brasil, fornecedora dos trens e da sinalização férrea.

Trilhos e trajeto

A Secopa informou que serão utilizados dois tipos de trilhos no VLT Cuiabá-Várzea Grande: os grooved, produzidos na Polônia, e os vignole, fabricados na Espanha. Esses últimos totalizam 10 km e serão instalados no Centro de Manutenção e pátio de estacionamento do VLT. Já os grooved serão implementados nos 22 km do trajeto do Veículo Leve sobre Trilhos, demandando a aquisição de cerca de 90 km. A chegada está prevista para outubro.

Orçado em R$ 1,4 bilhão, o VLT mato-grossense deverá ser finalizado em março de 2014. Com dois eixos, CPA-Aeroporto e Coxipó-Centro, o modal será implantado no canteiro central (com oito metros de largura) das avenidas João Ponce de Arruda e FEB, em Várzea Grande; XV de Novembro, Tenente-Coronel Duarte (Prainha), Historiador Rubens de Mendonça (CPA), Coronel Escolástico e Fernando Corrêa da Costa, em Cuiabá.

Serão três terminais de integração e 33 estações, que terão uma distância média de 500 a 600 metros entre um ponto e outro. A linha 1, do Aeroporto ao CPA, terá 15 km de extensão, e a linha 2, do Centro ao Coxipó, terá 7 km.

Nenhum comentário:

Postar um comentário