quarta-feira, 16 de outubro de 2013

Aeroporto próximo ao VLT é pioneiro no Brasil

20/06/2013 - Governo MT

Foto: Pedro Alves

A proximidade do aeroporto Internacional Marechal Rondon, de Várzea Grande, com o Veículo Leve Sobre Trilhos (VLT) será um diferencial em comparação a outras cidades brasileiras. De acordo com o professor de arquitetura da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), José Afonso Portocarrero, metrópoles como São Paulo e Rio de Janeiro e até mesmo a capital do Brasil, Brasília, ainda não dispõem de sistema de transporte coletivo em trilhos nos arredores dos aeroportos.

"Essa facilidade será um ganho para Várzea Grande e Cuiabá. A Cidade Industrial será pioneira nesse quesito no Brasil", destacou o docente. O Aeroporto Internacional Marechal Rondon, uma das portas de entrada e saída de Mato Grosso, terá papel importante para a Copa do Mundo de 2014. Consciente que o empreendimento será "a primeira impressão do estado" para os turistas, a Infraero está investindo R$ 77,2 milhões na ampliação e reformas.

Se hoje a capacidade anual do aeroporto é de 2,1 milhões de passageiros, com as intervenções esse número chegará a 5,7 milhões de pessoas no ano, um acréscimo superior a 170%. Atualmente, calcula-se que 20 mil pessoas transitem pelo local por dia, sendo que, desse montante, 7.670 são passageiros.

Para atender o fluxo de visitantes, o aeroporto conta com 33 pontos comerciais. No entanto, após a conclusão das obras, prevista para março de 2014, o número se ampliará para 68 estabelecimentos. Segundo o superintendente da Câmara dos Dirigentes Lojistas de Várzea Grande, Jean Ibrahim, as lojas do aeroporto têm como foco geralmente os turistas. "É um público muito rotativo", descreve.

Fonte: Assessoria

Nenhum comentário:

Postar um comentário