sexta-feira, 11 de abril de 2014

Consórcio VLT executa via permanente na Avenida do CPA

10/04/2014 - Mato Grosso Notícias

O Consórcio VLT Cuiabá-Várzea Grande dá sequência às atividades relacionadas à via permanente e inicia uma nova frente de serviço em Cuiabá. O trecho entre o Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Mato Grosso (Crea-MT) e da Superintendência de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon-MT), na Avenida Historiador Rubens de Mendonça, será o primeiro a ser trabalhado. 

Para garantir a celeridade nos serviços, o Consórcio VLT implantará turnos diurno e noturno nessa frente de obras, onde serão feitos o complemento da terraplenagem e a execução dos dutos e caixas de energia/telecomunicação, para posterior instalação dos trilhos. O material utilizado, que inclui trilhos, Q-tracks, pórticos de posicionamento, ferragens e formas, já está estocado em Várzea Grande e será transportado em etapas para o local. 

Também está programado o início das atividades em um segundo trecho na avenida do CPA, também para a via permanente, entre os viadutos da Miguel Sutil e da Sefaz. Os tapumes serão colocados para delimitar a área e propiciar o começo das atividades com segurança. 

O processo construtivo é composto por remoção do canteiro central, escavações, terraplenagem, compactação do solo, execução dos dutos e caixas de energia/telecomunicação, para então iniciar a instalação dos trilhos, cuja etapa envolve mão de obra especializada. 

Os retornos existentes na avenida serão mantidos neste período das obras. 

A obra – A via permanente será instalada no canteiro central das avenidas que compõem o trajeto do Veículo Leve sobre Trilhos (VLT). Em Várzea Grande ela será construída nas avenidas João Ponce de Arruda e FEB. Em Cuiabá, nas avenidas XV de Novembro, Tenente Coronel Duarte, Historiador Rubens de Mendonça, Coronel Escolástico e Fernando Corrêa da Costa. 

A via terá oito metros de largura, por onde os trens vão circular em duas vias (fluxo e contrafluxo). Também compõe a via permanente a rede aérea de alimentação energética do VLT (catenárias). As atividades referentes a esta estrutura estão sendo realizadas simultaneamente às civis, na fase de fundação. 

A via permanente já foi instalada no viaduto ferroviário do Aeroporto, em Várzea Grande, e está em execução no viaduto da UFMT, em Cuiabá. Uma parte dos materiais foi levada para o viaduto da MT-040, e em breve será aberta uma nova frente dessa atividade em Várzea Grande. Ao todo, cerca de 50 trabalhadores, cuja mão de obra é especializada em instalação de trilhos, executam essa atividade. 

Outras atividades na Avenida do CPA – O Consórcio VLT trabalha também na remoção das interferências do canteiro central da avenida. Nas calçadas está sendo construída a nova infraestrutura que vai receber os cabos de fibra ótica das operadoras de telecomunicação. Atualmente os trabalhos se concentram no trecho entre o viaduto da Sefaz e o Terminal do CPA. Essas atividades estão sendo realizadas por etapas e não há necessidade de intervenções significativas no trânsito, apenas a delimitação da área onde os trabalhos são executados.

Fonte: Mato Grosso Notícias
Publicada em:: 10/04/2014

Nenhum comentário:

Postar um comentário