quarta-feira, 6 de agosto de 2014

2ª estação do VLT no MT deve ficar pronta até final do ano

01/08/2014 - G1 MT

A segunda estação do Veículo Leve sobre Trilhos (VLT), em Cuiabá, deve ser concluída até dezembro deste ano, após um novo acordo judicial com o Ministério Público Estadual (MPE). O prazo para o término da estação na Avenida 15 de Novembro, na região do Porto, foi definido no processo movido pelo MPE que questiona a negociação de cessão da Rua Tufik Affi, nas proximidades, ao grupo Atacadão Distribuição de Comércio e Indústria Ltda em troca da construção de uma praça e de uma área de lazer.

Conforme o MPE, a princípio o término da estação do VLT na Avenida 15 de Novembro estava previsto para 20 de maio, porém, o prazo não foi cumprido. Agora, dentro desse novo prazo, devem ser feitos os acabamentos e instalações, pavimentação e urbanização, além da via permanente.

As obrigações constam de acordo - proposto pelo Atacadão, Prefeitura de Cuiabá, Ministério Público e governo de Mato Grosso após duas audiências públicas –  homologado pelo juiz Rodrigo Roberto Curvo, da Vara Especializada do Meio Ambiente da capital. A multa diária para o não cumprimento é de R$ 1 mil.

A previsão era que o trecho do VLT ligando o Aeroporto Marechal Rondon, em Várzea Grande, região metropolitana de Cuiabá, ao Porto, ficasse pronto até a Copa do Mundo para atender a demanda de turistas que chegassem na capital para assistir aos jogos do mundial. No entanto, nenhum trecho ficou pronto e apenas uma estação, em frente ao aeroporto, foi concluída até a Copa. O VLT só deve ser usado pela população em 2015.

Nenhum comentário:

Postar um comentário